CORONAVÍRUS (COVID-19): Clique aqui e acesse os boletins, ações, transparência e material educativo.
Tel. (88) 3518-1387
PÁGINA INICIAL
TRANSPARÊNCIA
OUVIDORIA
Redação
Solonópole - CE
AUXÍLIO EMERGENCIAL
DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO
DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO
AUXÍLIO EMERGENCIAL
Postada em 08/04/2020 ás 22h25 - atualizada em 25/04/2020 ás 20h08
Beneficiários do Cadastro Único poderão receber o auxílio emergencial do Governo Federal; confira as regras
.
+
-
Texto:
Beneficiários do Cadastro Único poderão receber o auxílio emergencial do Governo Federal; confira as regras

O aplicativo que vai cadastrar trabalhadores informais para receberem o auxílio emergencial de R$ 600,00 do Governo Federal, devido à pandemia do novo Coronavírus, já está disponível para smartphones com sistema Android e iOS (para iPhone). 

A partir desta quinta-feira, 9 de abril, trabalhadores informais que estão cadastrados no Cadastro Único (CadÚnico) deverão começar a receber o benefício. Nessa primeira etapa, só clientes da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil receberão o auxílio. Quem é cliente de outro banco receberá a partir do dia 14 de abril.

Confira o passo a passo do cadastro:

Passo 1 - Baixe o aplicativo da Caixa para Auxílio Emergencial. Estes são os links para baixar os aplicativos:

Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.gov.caixa.auxilio

iPhone: https://apps.apple.com/br/app/caixa-aux%C3%ADlio-emergencial/id1506494331

Passo 2 - A tela inicial do aplicativo mostra a apresenta do programa com as seguintes ferramentas:

Conheça o programa; Realize sua solicitação ou Acompanhe sua solicitação. Para iniciar o cadastro, o usuário deve clicar em "Conheça o programa". 

Passo 3 - Antes de iniciar o cadastro, o aplicativo apresenta as condições e os requisitos dos trabalhadores que estarão aptos a receber o auxílio. O usuário deve ler os requisitos, declarar que preenche todos eles e autorizar o uso de seus dados. 

Passo 4 - Comece a fazer o cadastro informando nome completo, CPF, data de nascimento e nome da mãe. 

Passo 5 - O usuário deverá informar os dados sobre sua renda e ocupação. 

Passo 6 - Preencha as informações sobre o titular da solicitação e o número de membros na família. O sistema também pergunta se o usuário é mulher e chefe de família, pois neste caso o auxílio é maior. 

Passo 7 - O solicitante deve validar as informações de seu celular e número de telefone. 

Passo 8 - O trabalhador deverá informar se tem uma conta-corrente ou caderneta de poupança e os dados para receber o depósito do auxílio do governo. 

Passo 9 -  O trabalhador que não tem conta-corrente ou caderneta de poupança para receber o auxílio, poderá optar pela abertura de uma conta digital na Caixa, sem custos e sem cobrança de tarifas. Para isso, terá que informar alguns dados pessoais, como identidade ou número da carteira de habilitação. 

Passo 10 - Na conclusão do cadastro, o usuário deve a mensagem para acompanhar o processo de liberação do recurso pelo aplicativo.

Passo 11 - Para os trabalhadores que conseguiram concluir o cadastro com sucesso, devem acompanhar a validação da inscrição no sistema. A plataforma vai enviar um código de validação para o celular. O número deverá ser incluído no aplicativo.


leia também
Enquete
O que você achou de nosso novo portal?

Está Ótimo
11273 votos - 98.9%

Está Bom
65 votos - 0.6%

Está Ruim
30 votos - 0.3%

Está Regular
25 votos - 0.2%

Facebook
Selo Unicef
INSTITUCIONAL
Prefeitura Municipal de Solonópole

07.733.256/0001-57

Vice-prefeito(a)

RAIMUNDO ARILO

Horário de atendimento

Das 08:00h às 12:00 e 14:00h às 17:00h

Telefone

Tel. (88) 3518-1387

Prefeito

WEBSTON PINHEIRO

ACESSO À INFORMAÇÃO

© 2020 Prefeitura Municipal de Solonópole | End.: Rua Dr. Queiroz Lima, 330 - Centro | CEP: 63.620-000 - Solonópole - CE